Banquete Ritualístico entre as Lojas Amizade, Lautaro, Cosmos e Decio Piagentini – Oriente de SP – SP


Dia 26 de setembro de 2019, quarta feira às 20:00 horas as Lojas Amizade – 141, Lautaro – 2642, Cosmos – 3064, e Decio Piagentini, realizaram em conjunto Banquete Ritualístico no Leques Brasil, localizado na rua São Joaquim, 216 – Liberdade, São Paulo – SP, 01508-000, Brasil.

Tendo como Veneráveis Mestres: da Loja Amizade: Venerável Mestre Adriano Catanoce, Loja Lautaro: Venerável Mestre Osvaldo Pereira, Loja Cosmos: Venerável Mestre Sergio Guariente, Loja Decio Piagentini: Venerável Mestre Marcos Varelas.

Estiveram presente as autoridades maçônicas: Gerson Magdaleno Grão-Mestre Estadual de São Paulo GOB-SP, Fernando Colacioppo Secretário Geral de Comunicação e Informática Adj. do Grande Oriente do Brasil, Sapientíssimo Clovis Messias, Ex-Presidente TEM: ADRIANO CATANOCE GANDUR, ex-VENERÁVEIS MESTRES:- JOSÉ VALENTI DE SÁ, SÉRGIO MARQUES ASSUMPÇÃO, HERALDO DE OLIVEIRA SANTOS FILHO, JOÃO LUIZ ZAGOLIN, WANDERLEY ADAID MUNHOZ, NELSON MAGALHÃES, NILTON BARBOSA DO VALE, entre outras autoridades, deputados federais, deputados estaduais, mestres instalados, mestres, companheiros e aprendizes.

Publicado por Fernando Sobrinho em Quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Banquete Ritualístico

Joaquim Gervásio de Figueiredo diz que o banquete é uma festividade maçônica realizada em Loja ou Oficina de Banquete, em grau de Aprendiz, para que dele possam participar todos os maçons.

Ele afirma, ainda, que “embora seja uma tradição muito antiga, as primeiras regras normativas dessa cerimônia datam de 1721 e referiam-se aos banquetes anuais realizados no dia de São João Batista, por motivo da eleição do Grão-Mestre da Grande Loja de Inglaterra…”

Quanto aos ágapes o mesmo autor assim se expressa, in verbis:

ÁGAPES (gr.). Refeição em que os cristãos primitivos se reuniam para comemorar a última ceia de Jesus Cristo com seus discípulos, e davam-se mutuamente o ósculo de paz e fraternidade. Estava associada à Eucaristia. Ambas essas cerimônias foram depois separadas, e por último os ágapes foram suprimidos pela Igreja, alegando prática de abusos. A Maçonaria o conserva nos graus capitulares.” (o destaque é da transcrição)

1 FIGUEIREDO, Joaquim Gervásio de. Dicionário de Maçonaria. São Paulo: Ed. Pensamento, 2a. Ed. (Revista e Ampliada), 1974, p. 71 e 28.

Guia para Realização do Jantar Ritualístico – Check-list das diversas fases para a realização do Evento.

I. Definição de Evento: “Jantar Ritualístico Tradicional de caráter social e cultural maçônico, de tempo determinado, gerador de grande integração, envolvimento e mobilização dos IIr.’. das Lojas da Região Maçônica e outras do GOB-SP e outra potências”.

II. Procedimentos Operacionais: A organização do Evento será definida com base nas atividades listadas a seguir.

1) Produção:

• Obtenção do Local (cortesia/contratação)
• Definição de Data/Horário de realização
• Determinação do Público-Alvo (Lojas integrantes e convidadas)
• Fluxo de Participantes (pagantes e cortesias)
• Estacionamento
• Segurança Externa
• Limpeza • Equipamentos Necessários
• Alimentação e Bebidas (cardápio, buffet)
• Recepção e Identificação dos Participantes e Autoridades
• Contratação de Pessoal/Serviços • Coordenação de Pessoal
• Venda de Convites

2) Promoção e Divulgação:

• Programação Visual do Evento
• Divulgação do Evento
• Prospecção de Patrocínio

3) Custos e Relatórios:

• Orçamento Global
• Orçamento Detalhado
• Fluxo de Caixa
• Prestação de Contas
• Relatório Final de Realização.

(A:FC | R:FC/CRS)

Ao retransmitir esta mensagem favor não retirar os créditos Assessoria de Comunicação da www.redecolmeia.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.