A∴R∴L∴S∴ UNIVERSITÁRIA ORDEM, LUZ e AMOR Nº. 3848 | COMPLETA 12 ANOS NO DISTRITO FEDERAL-DF

No passado dia 31 de março ocorreu o 12º aniversário da Loja Universitária Ordem, Luz e Amor, conhecida em nosso meio com o carinhoso codinome de LUOLA.
Tal efeméride foi celebrada no dia 13 de abril de 2019, em Sessão Magna Pública, brilhantemente conduzida pelo Venerável Mestre, Irmão Edson Dias Nogueira, na qual o nosso Grão-Mestre Distrital, Eminente Irmão Lucas Francisco Galdeano, esteve representado pelo Grão-Mestre Adjunto de Honra do GODF, Poderoso Irmão Reginaldo Gusmão de Albuquerque.
O Venerável Mestre convidou para compor o “Trono de Salomão”, com ele e o Poderoso Irmão Reginaldo, o Irmão Marcos Antonio Pereira Noronha, que além de ser o Deputado Distrital da Loja, é o Grande Representante da Grande Loja do Arizona/EUA junto ao GOB.
Primeiramente, discursou o Sapientíssimo Irmão Gil Braga, detentor da Comenda da Ordem do Mérito de D. Pedro I, um dos 32 Mestres Maçons que foram os fundadores da LUOLA, que lembrou os fatos importantes sobre a fundação da Loja, destacando o esmero do Irmão Marcos Noronha, idealizador da Loja, com a documentação e o preparo de tal momento, salientando que os documentos, em perfeita ordem, levaram que em tempo recorde, aproximadamente duas semanas, a Loja tivesse sua Carta Constitutiva. Não se olvidou em ressaltar que na fundação foram peças importantes, para que tudo saísse Justo e Perfeito, os então Grão-Mestre Distrital e Grão-Mestre Geral do GOB, Eminente Irmão Hélio Pereira Leite e Soberano Irmão Laelso Rodrigues, respectivamente.
Na sequência da Sessão, em nome das cunhadas da Loja, foi convidada a falar a cunhada Lucia Borelli Noronha, esposa do Irmão Marcos Noronha, que fez o pronunciamento com o coração, pois quase não conseguiu falar, pois a emoção fez com que de seus sensíveis olhos brotassem lágrimas de amor.
Por fim, fez um pronunciamento muito emocionante o Irmão Tito Régis de Alencastro Filho, Mestre Maçom iniciado na LUOLA há cinco anos, que destacou o quão importante foi se tornar um iniciado, principalmente na LUOLA, salientando que a trilogia do nome da Loja “Ordem, Luz e Amor” conforma uma unidade, expressando a base para o avanço a dimensões e perspectivas mais amplas para cada homem, sociedade e nação, o que para ele teve uma repercussão ímpar, pois mudou “a rota de sua vida”. Nesse diapasão destacou a figura de alguns Maçons da Loja, mas em particular de seu padrinho, que é também seu padrinho de batismo, Irmão José Pinto da Rocha.
Depois, em um belo pronunciamento filosófico, com relevantes passagens iniciáticas, o Irmão Reginaldo Albuquerque destacou a importância do cumprimento de um ciclo, 12 anos, e o início de um novo para a laboriosa Oficina.
Por fim, foi uma Sessão realmente marcante onde a Egrégora esteve presente sob forte emoção, quando o Venerável Mestre fez questão de realçar que estivemos em Ordem, Luz e Amor.
A comemoração pelo aniversário da “Loja Universitária Ordem, Luz e Amor” foi fechada em ágape com confraternização entre as famílias, que se estendeu por algumas horas, tal o clima de fraternidade e amorosidade presente.

AUGUSTA E RESPEITÁVEL LOJA SIMBÓLICA ”UNIVERSITÁRIA – ORDEM, LUZ E AMOR”
Razões do Nome e Interpretação do Timbre e Estandarte

Conscientes de que nós – seres humanos e, principalmente, Obreiros da Arte Real, na condição de Mestres Maçons – nos movemos conforme nossos ideais, desde os espaços inconscientes até às ações concretas do dia a dia, somos levados a concluir pela necessidade de um nível mais elevado de universalidade para os nossos ideais maçônicos, e porque não dizer iniciáticos, e de uma maior objetividade na prática de execução das nossas metas, visando uma participação crescente e comprometida no cumprimento daquilo que nos cabe realizar como verdadeiros homens livres e de bons costumes.

Se colocarmos nossa atenção no Tempo e Espaço cósmicos, o movimento da vida humana no Planeta parece insignificante. Mas, se somos capazes de reconhecer a grandeza de Ser, no “Todo Ser”, também reconhecemos a Lei magnânima que rege todas as criaturas: a Lei do Balanço, ou melhor, do Intercâmbio Rítmico Balanceado. Esta Lei, emanada da Fonte Criadora, permite que a Ordem cósmica universal se expresse, harmonizando as diferenças, conciliando os opostos e permitindo assim a evolução progressiva de todo o Cosmos.

A Humanidade tem evoluído, apesar dos desencontros. O Homem tem expandido seus horizontes, desenvolvido seu potencial criativo. Ele também tem descoberto as limitações de sua vida, principalmente quando não considera, em suas decisões, a vida do outro e do meio ambiente em que vive.

 A Ordem implícita no Universo pressupõe um equilíbrio entre as partes. Se assim não acontece, elas tendem a destruir-se mutuamente. Em toda a história do Homem, quando uma parte quis prevalecer a força sobre outra, houve guerra e destruição. Como é possível ter uma verdadeira Irmandade se a Ordem não estiver estabelecida dentro de cada um e, por consequência, na própria coletividade?.

Como observadores de um mundo em transição, repleto de conquistas, mas também carregado de incertezas e indefinições, neste começo de século e entrada de um novo milênio, chegamos à reflexão, desde o nível individual ao nível coletivo das Nações, que o nosso mundo diz respeito fundamentalmente à Espécie Humana e o seu destino e, em decorrência disto, o destino planetário.

A trilogia “Ordem Luz Amor” conforma uma unidade, expressando a base para o avanço a dimensões e perspectivas mais amplas para cada homem, sociedade e nação.

O Projeto do Estandarte da Loja Universitária Ordem, Luz e Amor, carinhosamente chamada de LUOLA, teve por base uma proposta de elevação da consciência para toda a humanidade e não sob uma perspectiva nacionalista. O gérmem da Ordem, Luz e Amor Universal, presente em cada ser humano, necessita ser libertado, expandido e entregue ao próximo. É uma questão de sobrevivência da Espécie Humana.

Somos incentivados, intimamente, para que este ideal se manifeste, porém, ele ainda se encontra aprisionado ou sufocado, dentro de muitos seres humanos. Este é o momento propício para a transformação: ignorância e trevas em consciência livre e disponível.

Ordem – Princípios e leis universais que regem a ordem cósmica.

Luz – Consciência, luz da visão, do entendimento, da compreensão, do conhecimento, da ciência, da sabedoria

Amor – Fundamento do universo e do poder criador.

O Estandarte da LUOLA foi entregue à Loja e sagrado pelo, então, Grão-Mestre Geral, Soberano Irmão Laelso Rodrigues, em 27 de outubro de 2007 (veja algumas fotos), salientando que a Loja foi fundada naquele mesmo ano de 2007, em 31 de março, e sua regularização feita em 26/05/2007. A Carta Constitutiva foi expedida em tempo recorde de aproximadamente duas semanas. A primeira Sessão Ritualística, já com a presença da Carta Constitutiva, foi realizada no dia do aniversário da Capital Federal, 21/04/2007, devidamente autorizada pela Eminente Grão-Mestre Distrital, da época, Eminente Irmão Hélio Pereira Leite.

no images were found

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.