RECONDUÇÃO NA ARLS “ASTRO DA ARABIA Nº 163” – GLESP – ORIENTE DE SÃO PAULO.

Dia 25 de junho 2019, terça feira, às 20:00 horas na A∴R∴L∴S∴ “Astro da Arabia” nº 163, RITO ESCOCÊS ANTIGO E ACEITO, fundada em 03/01/1948, Av. Francisco Nóbrega Barbosa, 110 Pq. Alves de Lima – São Paulo – SP, sessão de Recondução do Venerável Mestre eleito Ronaldo Tabach tendo como Venerável Mestre Instalador Paulo José Achcar, 1º Vig∴ Instalador José Alberto Rodrigues Alves, 2º Vig∴ Instalador Fábio Fakhoury, Venerável Mestre que deixa o cargo Ricardo Tabach , 1º Vig∴ José Alberto Rodrigues Alves, 2º Vig∴ Paulo José Achcar, Orador Ricardo Nicolau, Tesoureiro Ronaldo Tabach , Chanceler Ricardo Aissar Sahid, MC Wilmer Bucheb, e presentes na sessão os Delgados da GLESP:- Williston Gaetti e Antônio Carlos Pereira, Fernando Colacioppo Secretário Geral de Comunicação e Informática Adj. do Grande Oriente do Brasil, William Bucheb, os Past. Master:- Roberto Fakhoury, Paulo José Achcar, Jose Alberto Rodrigues Alves, Ronaldo Tabach, Ricardo Aissar Sahid, Fábio Fakhoury, entre outras autoridades, mestres instalados: Walid Mohamed El Toghlobi, mestres, companheiros e aprendizes.

Histórico – O Colégio Elias Zarzur

Histórico

O Colégio Elias Zarzur chega aos 42 anos de atividade, com aproximadamente 600 alunos, ministrando os cursos de Educação Infantil, Ensino Fundamental (de oito e nove anos) e Ensino Médio. Sua história teve início em 1972, sob o nome do antigo colaborador, Elias Zarzur. Nessa época, oferecia apenas o primeiro grau para um total de duzentas crianças, distribuídas em dois turnos (manhã e tarde).

Em fevereiro de 1995, ocorreu a primeira expansão. A escola conseguiu instituir o segundo grau, passando a oferecer o ensino de 1º e 2º graus.

No mês de abril de 1996, teve a segunda expansão e o colégio passou a ministrar Educação Infantil. Em julho, aconteceu a terceira expansão e foi inaugurado o Centro Educacional “Adib Zarzur”, com mais de 600 metros de área construída.

Trata-se de uma bela história, firmada no propósito de oferecer não só o ensino básico necessário aos seus alunos, mas proporcionar uma educação para toda a vida, formando cidadãos responsáveis, conscientes e participativos, que teve início no desejo da “Loja Maçônica Astro da Arábia” de oferecer educação de qualidade, fundando, assim, a “Casa de Beneficência São Paulo”, mantenedora do Colégio Elias Zarzur.

Desde sua fundação em 19 de outubro de 1950, a Casa de Beneficência São Paulo tem como compromisso a educação e a especial atenção à criança. Por isso tem sido mantenedora do Colégio Elias Zarzur, permitindo que o colégio tenha o suporte necessário para o excelente atendimento aos alunos, além de manter a Creche Maria Aparecida Gerônimo e a Creche Benjamim Antônio Salles Arcuri, instituições que oferecem o maior cuidado às crianças.

A entidade não possui fins lucrativos e é reconhecida como utilidade pública federal, estadual e municipal.

A Casa tem como missão a prática de caridade e beneficência em geral, atuando na área educacional, social e assistencial, sem distinção de sexo, raça, cor, credo religioso ou político.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.